Futebol ._ arte?

Em época de Copa do Mundo de futebol, todo mundo só fala disso… eu dou um breve pitaco sobre a seleção… joga feio! Mas se encaixa no futebol moderno… sobre esse, um texto abaixo, praticamente poético, do excelente poeta, e autor, Eduardo Galeano, do seu livro “Futebol ao sol e à sombra”.

Para mais comentários de futebol, acessem meu novo blog… Política Esporte Clube

————————

“O futebol

A história do futebol é uma triste viagem do prazer ao dever. Ao mesmo tempo em que o esporte se tornou indústria, foi desterrando a beleza que nasce da alegria de jogar só pelo prazer de jogar. Neste mundo do fim de século, o futebol profissional condena o que é inútil, e é inútil o que não é rentável. Ninguém ganha nada com essa loucura que faz com que o homem seja menino por um momento, jogando como o meino que brinca com o balão de gás e como o gato brinca com o novelo de lã: bailarino que dança com uma bola leve como o balão que sobe ao ar e o novelo que roda, jogando sem saber que joga, sem motivo, sem relógio e sem juiz.

O jogo se transformou em espetáculo, com poucos protagonistas e muitos espectadores, futebol para olhar e o espetáculo se transformou num dos negócios mais lucrativos do mundo, que não é organizado para ser jogado, mas para impedir que se jogue. A tecnocracia do esporte profissional foi impondo um futebol de pura velocidade e muita força, que renuncia à alegria, atrofia a fantasia e proíbe a ousadia.

Por sorte ainda aparece nos campos, embora muito de vez em quando, algum atrevido que sai do roteiro e comete o disparate de driblar o time adversário inteirinho, além do juiz e do público das arquibancadas, pelo puro prazer do corpo que se lança na proibida aventura da liberdade.”

Tomara que tenhamos nessa copa muitos desses atrevidos, como Messi e… e nem sei mais, já que Kaká, Cristiano Ronaldo e Robinho não estão em tão boa fase, e Ganso e Neymar (não sou santista e odeio o Santos, graças a um amigo santista…) foram impedidos de fazê-lo exatamente por quem deveria querer que fizessem… Nem os bons volantes foram poupados por Dunga… que fiquem só os ruins, que nem correr com a bola fazem mais, porque estão velhos…